É proibida a reprodução não autorizada dos textos deste blog, de acordo com a Lei nº9.610, de 19 de fevereiro de 1998, que regula os direitos autorais.

Apresentação

Este blog nasceu no blog Janela das Loucas, onde assinava "Diva Latívia". Ali permaneci durante muito tempo, como autora principal das crônicas do blog. Redescobri que escrever é vital pra mim, guiada e editada por Abílio Manoel, cantor, compositor, cineasta e meu querido amigo. O Janela das Loucas não existe mais, Abílio foi embora pro Céu. Escrevo porque tenho esse dom divino, mas devo ao Abílio este blog, devo ao Abílio a saudade que me acompanha diariamente. Fiz e faço deste blog uma homenagem a aquele que se tornou meu irmão, de alma e coração. Aqui o tema é variado: cotidiano, relacionamentos e comportamento, em prosa e versos.







10 de fev de 2011

SOLIDÃO, VELHA COMPANHEIRA


Olá, leitor(a). Estou procurando letrinhas no teclado.
Não sei o que houve comigo, o que há com a minha inspiração. Aliás, acho que eu sei: estou sofrendo. É a minha mania de querer fazer da propaganda de margarina o meu ideal de felicidade.
Dia ensolarado, mesinha bem posta na cozinha. A família grande e feliz sorrindo de contentamento. Nenhum problema, nenhuma discussão acalorada, ninguém mandando ninguém ir se f...
Não sou casada, mas quando eu era casada nunca tive uma manhã assim. Experimentei instantes mágicos há algum tempo, sentada à mesa ensolarada de uma família. Emprestaram felicidade momentânea a mim.
Ando me sentindo órfã. Sem lar. Lar é isso: a mesinha ensolarada, ainda que pra alguns falte a mesa, pra outros o pão ou a margarina. Ter as pessoas amadas ao redor é fundamental, viver em harmonia é essencial. Casa eu tenho, mas queria tanto ter meu lar!
Meu coração hoje está aos pedacinhos, mas eu sorri enquanto escrevia este texto. Eu tenho esperança, acredito que, um dia, escreverei muitas histórias sentada em alguma varanda, um cãozinho dorminhoco deitado ao meu lado e alguém perto, cheio de carinho e orgulho de mim, aguardando a última linha pra ser o primeiro a ler e comentar. Esse será o meu lar!

Solidão, você chegou de novo sem pedir licença.

2 comentários:

Anônimo disse...

Fiquei achando que vc e o Divo terminaram.Se é verdade sinto mto por vc.Bjs

Angelina

Anônimo disse...

Angelina,

Que coisa boa que é ter o comentário dos meus leitores, das minhas leitoras!
Divo e eu estamos muito bem, nem sonhamos em terminar. Porém, desde que me separei ( fui casada muitos anos com alguém), ando feito cigana buscando um porto seguro e dali fazer o meu lar. Divo é fortíssimo candidato a dividir esse sonho comigo. Estamos bem, graças a Deus.
Obrigada pelo comentário e volte sempre, comente sempre!
Beijo

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!